Espelhos e escolhas

22 09 2010

Talvez essa seja a escolha errada, ou talvez seja a certa e eu ache errada, mas olhando pra dentro de mim… Creio que seja a melhor escolha a se fazer. Acho que o armário é um lugar bastante confortável. However, eu não esconderei que sou gay, caso me perguntem. Acredito que os outros não precisam ficar sabendo publicamente até que perguntem, a não ser as pessoas pelas quais realmente estimo e que não sabem da minha condição.

Acho curioso como meus colegas da faculdade são bem ceguetas. Desconfiam que as pessoas erradas sejam homossexuais. Que tolinhos… Só porque não me pareço c/ uma drag queen, não quer dizer que não seja um. E o pior é que sei que eles pensam mais ou menos assim. Se contasse abertamente pra eles, acho que cairiam duros no chão, hahahaha

E quanto a esse lance de “as aparências enganam”, eu acho que minha camuflagem anda meio falha. Desde que saí do armário pra algumas pessoas, eu mesmo me vejo bem óbvio para que os outros percebam e… (não que eu ache errado) não me sinto bem assim. Prefiro continuar no anonimato e ser feliz assim, apesar das críticas que acabam fazendo aos homossexuais… Hmmm… Acabei de pensar algo diferente… Ficar no anonimato ATÉ QUE o assunto do papo/conversa/roda de amigos me atinja. É hipocrisia continuar escondido só pra se proteger e não ligar pro que falam de ruim na sua frente sobre você ou sobre algo que você é.

Como disse, antes eu tinha medo que soubessem da minha homossexualidade, agora estou pouco me lixando pro que dizem. Só me importo se uma pessoa realmente querida se afastar de mim por conta disso, caso contrário…

Ahhh, outra coisa. Ultimamente andei olhando algo sobre o chamado “Movimento GLBT” ou whatever… Creio que a mídia deturpa muitas das ideologias que eles tem (óbvio, é a única coisa que a mídia faz…). Concordo com várias delas, porém não concordo em ficar ostentando bandeiras por aí, fazendo paradas gays a torto e a direito. Fico pensando… que é isso?? Micareta gay? (sim, pois no dia seguinte o que mais se vê nas ruas são camisinhas e mais camisinhas, misturadas c/ penas de boá) Acho que isso sim prejudica a imagem que têm de nós. Eu me orgulho de ser gay, mas não pisaria numa “parada do orgulho gay”. Pode ser um pensamento individualista, mas é o que eu acho. Daqui a alguns anos pode ser que isso mude e que o simbólico “orgulho gay” que ostentam por aí se torne uma manifestação menor e cultural, como é o caso da “consciência negra”, que também é um movimento expressivo de outra parcela da população que foi seriamente prejudicada e alvo de preconceitos.

Acho que vou ficando por aqui, meus pensamentos estão ficando confusos e preciso fazer trabalhos da faculdade. See ya’ll!

Filhote Solitário

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: